Menu

Notícias

Família, um projeto de Deus

Nosso Pai Celestial espera que valorizemos e cuidemos da nossa família, assim como Ele tem cuidado de nós.

“Mas eu e a minha casa serviremos ao Senhor”. Esse trecho do capítulo 24 do livro de Josué exprime o desejo da grande maioria das pessoas que seguem a Cristo: servir a Deus ao lado do cônjuge e dos filhos. Mas, por que damos tanto valor à família? Por que nos preocupamos tanto com o bem estar dos nossos? Por que somos tão afetados quando problemas e enfermidades assolam o seio familiar? Simples. Família é uma dádiva, um presente de Deus. É onde normalmente encontramos aconchego, carinho, afeto. E o lar é o local ideal para se expressar o amor de Jesus.

E é no mês de dezembro, no dia 8, que se comemora o Dia Nacional da Família. A data, apesar de constar do calendário oficial brasileiro, é pouco repercutida e comemorada. Talvez pela proximidade de outras festividades tradicionais e badaladas como Natal e Ano Novo. Seja qual for o motivo, uma coisa é certa: o Dia da Família é muito importante e merece ser lembrado. Durante a palestra “Fortalecimento da Família”, realizada no dia 12 de novembro de 2018, na Oitava, o Pr. Roberto T. Santos afirmou que o propósito da família é gerar, acolher, nutrir, cuidar e formar, e que nela experimentamos momentos de felicidade.

A Oitava é composta por famílias, que, ao longo dos anos, foram crescendo, se multiplicando e contribuindo para o desenvolvimento da igreja. Dentre elas está a família do Presbítero Andres Werner, 51, cujos pais participaram da fundação da Oitava Igreja, em 25 de maio de 1969, quando Andres tinha apenas dois anos de idade. Logo o então garoto foi levado ao batismo, tendo ele, anos depois, tomado sua própria decisão por Jesus, passando a integrar diretorias da UPA (União Presbiteriana de Adolescentes) na própria Oitava e no Presbitério.

“Nessa época, éramos um grupo pequeno de adolescentes e fazíamos muitas atividades em conjunto com as demais igrejas do nosso presbitério. Foi nesses encontros que tive a alegria de conhecer e aprender muito com o Pastor Jeremias, antes mesmo de ele vir para a Oitava”, recorda Andres. Não demorou para que ele se tornasse instrumentista no Ministério de Louvor, passando também a integrar, já na década de 1990, comissões que planejaram a construção e a mudança da Oitava Igreja para o bairro Palmares. “Em 2003, fui eleito presbítero e ainda hoje continuo participando do Conselho da Igreja”, conta.

“Aqui na Oitava”, ele acrescenta, “cresci, aprendi e continuo aprendendo, fiz amigos, servi e continuo servindo com alegria. Foi aqui que conheci e me casei com minha esposa Ana Maria. Aqui minhas filhas Luísa e Carol foram batizadas, deram profissão de fé, servem e cultuam ao Senhor com alegria”. Andres afirma que a fé e o compromisso de seus pais o inspiraram e continuam o inspirando. Seu pai, o Presbítero Eudes Campos, fez parte do Conselho da Oitava desde o início, “com muita oração e trabalho, presenciando milagres e maravilhas”.

Sua mãe, Daisy Werner, sempre auxiliando e encorajando o marido, demonstrando todo o seu empenho e comprometimento com a igreja. “Ainda nos tempos da congregação ela organizou um coral, que ainda hoje gera muitos frutos. Meus pais se dispuseram a ajudar e aconselhar jovens, casais e famílias. Nos ensinaram a amar e a respeitar nossos pastores, líderes e irmãos”, se orgulha Andres. De acordo com ele, em casa, à roda da mesa, não se ouvia palavras de murmuração, mesmo nos tempos mais difíceis.

“Aprendi que devemos enfrentar as dificuldades e fazer a nossa parte, em vez de abandonar o barco se alguma coisa não está do jeitinho que a gente gostaria. Devemos, como igreja, nos empenhar em melhorar cada vez mais, servindo a Deus com alegria e atentos às necessidades das pessoas, atualizando nossos métodos, sem nos desviar um milímetro das bases bíblicas”. Essa é a principal lição que Andres, por meio de sua família, aprendeu. E todos esses valores serão repassados às duas filhas, que consequentemente os compartilharão com seus respectivos filhos. Eis aí a importância da família em nossas vidas e na sociedade.

Além da família terrena, devemos nos lembrar que somos membros de outra família: a de Deus, nosso Criador. Disse Jesus: “Vejam como é grande o amor que o Pai nos concedeu: sermos chamados filhos de Deus, o que de fato somos! Por isso o mundo não nos conhece, porque não o conheceu. Amados, agora somos filhos de Deus, e ainda não se manifestou o que havemos de ser, mas sabemos que, quando ele se manifestar, seremos semelhantes a ele, pois o veremos como ele é” (1 Jo 3.1-2). Nosso Pai Celestial espera que valorizemos e cuidemos da família que Ele nos deu, assim como Ele tem cuidado de nós.

Curiosidades

Você sabe qual é a família mais numerosa da Oitava? Com aproximadamente 30 membros, entre irmãos, filhos, netos e agregados, a maior é a Família Rosas! Presentes na Oitava desde sua fundação, eles têm representantes de variadas idades, de crianças a idosos, exercendo diferentes cargos nos diversos ministérios da nossa igreja. Vida longa a essa família que já se tornou um patrimônio da Oitava!

E a “Família Oitava Igreja” não para de crescer! No dia 17 de novembro, o administrador de empresas Saulo Vinicius, 33, e a publicitária Isabella Simões, 25, subiram ao altar da Oitava para firmar publicamente seus votos matrimoniais, tornando-se a mais recente família da igreja. A futura matriarca garante: “Queremos ser pais e, claro, ter um casamento abençoado. Então creio que a Oitava vai nos ajudar muito em diversas áreas”. Sejam muito bem-vindos e que Jesus os abençoe!

Prepare uma foto bem bonita de sua família e envie para: comunicacao@oitavaigreja.org.br. Selecionaremos algumas fotografias para uma homenagem que estamos preparando. Participe. Queremos conhecer sua família!